A importância de fazer uma revisão veicular antes de viajar

Checagem evita multas e risco de acidentes por falhas mecânicas

Com o setor de turismo e viagens recuperando o ritmo após o longo período pandêmico, muitas pessoas aproveitam para quebrar a rotina indo para outros lugares. Para quem opta por viajar de carro, conferir o combustível é apenas um dos pontos que merecem atenção, assegurando uma viagem tranquila e sem imprevistos.

Em países como os EUA, as chamadas road trips atraem pessoas de todos os cantos, que usam desde carros convencionais até casas sobre rodas, e no Brasil, essa maneira de viajar ganha cada vez mais adeptos. Tanto para fazer aquele bate e volta no litoral quanto para conhecer os quatro cantos do país, manter o veículo em dia é essencial.

Veja a seguir qual a importância de fazer a sua revisão veicular antes de qualquer tipo de viagem, as principais diretrizes para agendar e realizar o procedimento e cuidados para viajar sem sustos.

Viagens de carro: a importância da revisão veicular antes de sair de casa

Planejar uma viagem envolve várias etapas, desde a escolha do lugar, orçamento, reservas e plano B para emergências. Neste último aspecto, manter a revisão veicular em dia é essencial para evitar sustos no meio da viagem, como falhas mecânicas, acidentes e até mesmo multas por conta da condição do veículo.

Existem três tipos de revisão veicular, e no caso das viagens, dois deles são os mais indicados para serem feitos com alguns dias antes da viagem ocorrer.

Revisão corretiva

Como o próprio nome já sugere, a revisão corretiva serve para corrigir erros já existentes no veículo. Aqui entram troca de lâmpadas nos faróis, troca de pneus furados, ajustes na trava de portas, ajustes dos bancos, troca de motor e peças em casos mais graves.

Revisão preventiva

A revisão veicular preventiva é indicada até mesmo para quem não vai viajar, mas circula com o veículo de forma constante. É nela que são trocadas peças que já apresentam algum sinal de desgaste, como discos de freios, rotação do volante, trava de cintos de segurança, airbags, entre outros. 

Quando e onde fazer a revisão do veículo antes da viagem

A renovação da CNH, por lei, exige que o veículo passe por uma inspeção veicular, com objetivo de manter a segurança no trânsito e cumprimento das demais normas legais. Se a sua viagem é próxima da data em que a inspeção foi realizada, uma visita rápida a uma oficina mecânica já garante que tudo está em ordem para cair na estrada.

Mas se seu veículo não passou por uma revisão nos últimos meses, e especialmente se apresenta sinais de problemas, é recomendado levá-lo até uma oficina com no mínimo 15 dias de antecedência. Isso garante que caso seja necessário encomendar alguma peça para troca, seu cronograma não seja tão prejudicado. 

Mesmo com a inspeção realizada, tome alguns minutos para localizar serviços de reparos e cobertura da sua seguradora para o local da sua viagem. Desta forma, caso algum imprevisto aconteça, você poderá agir de forma mais rápida e assertiva para resolver o problema.

Seguro é bom, mas melhor ainda é não precisar

Se por falta de tempo ou algum descuido, seu carro apresentou problemas antes ou durante a viagem, sempre é possível recorrer à sua seguradora ou postos mecânicos próximos de você.

No entanto, se fazer uma revisão é uma garantia de que problemas não irão aparecer, por que correr o risco de não conseguir telefonar para a seguradora no meio da estrada em uma cidade isolada durante a madrugada? Como diz o ditado, é melhor prevenir do que remediar.

Hoje em dia diversas seguradoras oferecem o serviço de revisão, que pode estar incluso no seu plano ou ser cobrado à parte, e com datas de agendamento que cabem na sua rotina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *